VOCÊ EMPREENDEDOR / NOTÍCIA

Clubhouse: o novo fenômeno das redes sociais

O brasileiro é um dos povos mais antenados nas novidades tecnológicas quando o assunto são mídias sociais. Uma das redes que estão causando um rebuliço nos últimos dias é o Clubhouse. Porém, boa parcela dos brasileiros ainda está sem entender direito esse fenômeno, uma vez que, por enquanto, o Clubhouse é exclusivo para o sistema iOS.

De acordo com os dados do gigante de buscas na internet, o Google, as pesquisas por “aplicativo clubhouse” cresceram 4.850% no Brasil nos últimos dias, isso mesmo, quase 5000%!

O aumento repentino está ligado ao uso da plataforma por celebridades, principalmente. E você pode até não conhecer ela (ainda), mas no feroz e valioso mundo das startups, ela já vale a incrível cifra de US$ 1 bilhão.

Adesão das celebridades alavancou a rede social


O uso da plataforma ganhou força no fim de janeiro, quando o bilionário Elon Musk (CEO da SpaceX e CEO da Tesla Motors) e o presidente-executivo do aplicativo de investimentos Robinhood, Vlad Tenev, conversaram pelo aplicativo.

O movimento não só impulsionou a plataforma, como deu início a uma corrida por convites para acessar a ferramenta nos Estados Unidos. Além deles, completam a lista de 600 mil usuários da Clubhouse famosos como Oprah Winfrey, Kevin Hart, Drake, Chris Rock e Ashton Kutcher.

E como tudo que acontece por lá vira tendência por aqui, no Brasil muitos empresários e celebridades já estão aderindo ao Clubhouse. Lançada em abril do ano passado, a plataforma pertence à Alpha Exploration Co. e foi desenvolvida por Roshan Seth, ex-funcionário do Google, e por Paul Davison, empresário do Vale do Silício.

Mas como fazer parte do Clubhouse? 


A plataforma permite que usuários participem de salas de bate-papo com duração pré-determinada, desde pequenas conversas com amigos a palestras e discussões maiores com autoridades e especialistas, com a presença de milhares de usuários ouvintes.

O microfone fica aberto, como se fosse uma ligação de voz. Não é preciso apertar nada para falar. Caso deseje, você pode permitir que outras pessoas entrem e você controla quem pode falar ou não.

Ainda não disponível para Android


Por enquanto para quem tem um celular com sistema operacional Android, não é possível baixar o app. Ainda não há uma previsão concreta, ou mais informações, sobre o Clubhouse para este sistema específico.

No momento, é possível baixar o aplicativo na Apple Store e fazer um cadastro na lista de espera, reservando um nome de usuário. A entrada depende da liberação do acesso por outros usuários que, sincronizados à sua rede de contatos, podem permitir a entrada no aplicativo.

Se você tem iPhone e quer experimentar, não precisa ficar pedindo convite. Instale o aplicativo e espere algum amigo seu que esteja dentro da rede dar a permissão para você entrar. Como em todas as redes sociais, sempre tente proteger seus dados e, nunca é demais lembrar e reforçar, cuidado com o que você fala ou expressa!

← Voltar
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Influenciador Digital: ganhe dinheiro com a internet!

Com o desenvolvimento da tecnologia e da Internet, começamos a viver em um novo paradigma. No passado, grandes produtores e grandes empresas eram os que mantinham o monopólio da mídia. Agora, como influenciador digital, você pode aproveitar para fazer divulgações de produtos, estabelecimentos e muitos mais.Pessoas comuns podem produzir conteúdo, ...

Cursos livres: 4 vantagens de investir em profissionalização!

Investir em cursos livres pode ser uma boa oportunidade para quem precisa se recolocar no mercado de trabalho ou começar uma profissão do zero. De fato, esse tipo de experiência de ensino faz muita diferença na formação de bons profissionais que enxergam além das opções tradicionais do mercado.Durante a dinâmica ...